26 de dez de 2014

Hangar - The Best Of 15 Years Based On a True Story





Nota: 8,00

Dificilmente faço resenhas de coletâneas por motivos óbvios, trata-se de produtos geralmente encomendados por gravadoras para cumprir contratos ou para recolocar algum artista no mercado após grandes hiatos e reuniões, porém no caso dos gaúchos do Hangar existem motivos de sobra para falar sobre esse grande registro.

O Hangar ficou mais conhecido quando o exímio baterista Aquiles Priester entrou para as fileiras do Angra em 2001, os holofotes se voltaram para a banda ao passo que todos queriam ouvir as credenciais do então novo membro, e na ocasião o que se ouvia era um Power Metal intrincado, com algumas incursões progressivas.

Com Aquiles ainda no Angra, o Hangar  lançou o emblemático The Reason Of Your Conviction (2007) remodelando a sonoridade que enveredou para linhas bem pesadas e intrincadas dando passos mais avançados no Prog Metal. Em 2009 O Hangar soltou Infalible, o disco mais diversificado da carreira, o último registro de inéditas até o momento. 

Após a entrada do vocalista Pedro Campos e a volta do guitarrista Cristiano Wortmann, agora como um sexteto, o Hangar lança esse best of com 4 músicas inéditas e 2 regravações com a nova formação, além de 24 músicas dos demais lançamentos da carreira.

Preparando terreno para o quinto registro de inéditas, a nova e pesadíssima Let me Know Who I Am caminha por terrenos sombrios,com os riffs carregados de Eduardo Martinez e Cristiano Wortmann, Aquiles abusa dos andamentos quebrados e levadas cavalares dos bumbos.

The Dark Passenger é cadenciada e intrincada, a voz de Pedro Campos soa muito bem com drives poderosos e um timbre agradável, o baixo  de Nando Mello colabora bastante com o groove maciço ouvido por aqui, Denied explora a velocidade do Power Metal contrastando com passagens dissonantes, o duelo das guitarras com o teclado de Fabio Laguna saltam aos ouvidos.

Fechando as inéditas, Betrayer reconecta o Hangar com a música rápida e grudenta, apesar de ser a mais fraca das novas composições, desfila com categoria em sua proposta, a execução é impecável, mas gosto mais quando eles desafiam o ouvinte com músicas mais ousadas. No terreno das novidades ainda temos as  boas regravações de To Tame a Land e Forgotten Pictures  com a nova formação, acertaram em escolher duas músicas de fases e estilos distintos.

Dentre a seleção, conseguiram escolher realmente grandes momentos, como a excelente The Infalible Emperor (1956), a emocionante Give Me One More Chance versão acústica, a demolidora Hastiness com os imponentes vocais de Nando Fernandes e ainda Inside Your Soul, que basicamente mostrou ao mundo como o então jovem  Aquiles Priester já dominava as baquetas e os pedais de seu instrumento.

The Best Of 15 Years Based On a True Story  é uma excelente oportunidade para conhecer melhor uma das mais talentosas bandas do cenário brasileiro, profissionalismo e ousadia é a marca registrada do Hangar.

Vale a pena conferir!


Let me Know Who I Am




The Best Of 15 Years Based On a True Story (2014)

Disco 1


  1. Let me Know Who I Am (inédita)
  2. The Dark Passenger (inédita)
  3. Denied (inédita)
  4. Betrayer (inédita)
  5. To Tame a Land (Regravação)
  6. Forgotten Pictures (Regravação)
  7. The Infalible Emperor (1956)
  8. Captivity ( A House With Thousands Rooms)
  9. A Miracle In My Life
  10. Forgive The Pain
  11. Some Light To Find My Way
  12. Hastiness
  13. When Darkness Takes You
  14. Just The Beginning 
  15. The Reason Of Your Conviction

Disco 2

  1. Dreaming Of Black Waves
  2. Based On A True Story (Acústica)
  3. Call Me In The Name Of Death
  4. Solitary Mind (Acústica)
  5. Time To Forget
  6. One More Chance (Acústica)
  7. Haunted By Your Ghosts
  8. Your Skin And Bones (Acústica)
  9. Savior
  10. Colorblind
  11. Legion Of Fate
  12. Angel Of Stereo (Acústica)
  13. Falling In Disgrace
  14. Like Wind In The Sky
  15. Inside Your Soul

A Banda (Atual, que gravou inéditas e regravações)

Pedro Campos (Vocal)
Aquiles Priester (Bateria)
Nando Mello (Baixo) 
Crisitiano Wortmann (Guitarra)
Eduardo Martinez (Guitarra)
Fabio Laguna (Teclados)




Postar um comentário