19 de nov de 2014

Discografia Comentada: Black Country Communion (2010-2013) - Parte II


2: O Black Country Communion expande suas fronteiras




Após o debut extraordinário  Hughes, Bonamassa, Sherinian e Bonham se reuniram  com o produtor e mentor Kevin Shirley ainda em 2010 para dar inicio ao segundo trabalho lançado em 2011, mais uma vez o Hard Rock épico com influências de Blues, Soul e até Rock Progressivo impressiou quem achava que eles não conseguiriam repetir a mesma performance do disco anterior.

Em 2 o ouvinte é transportado para uma atmosfera contagiante, os talentos se uniram para entregar um grande resultado, ao mesmo tempo que evocam nomes dos clássicos como Deep Purple e Led Zeppelin o BCC possuí seu próprio estilo, e dificilmente terá um sucessor neste estilo.

Excelentes instrumentistas, composições ousadas e uma produção de primeira colocou o BCC no topo das bandas, um super time que explorou muito bem suas qualidades sem soar auto indulgente, é música boa, bem tocada e feita com alma.

A sonoridade grandiosa do primeiro álbum foi mantida, com maior presença dos teclados e de intervenções acústicas, o tom épico e até certo ponto progressivo foi mantido mas em menor grau, ao lado de pauladas como The Outsider e Man In The Middle encontramos a épica e recheada de harmonias acústicas The Battle For Handrian's Wall com Bonamassa nos vocais, a grandiosa Oridinary Son e a emocional e intrincada Cold.

O maior atributo do segundo disco dos caras é não se preocupar com padrões radiofônicos e fazer música de primeira, com ambição e grandiosidade fazendo jus  aos nomes dos evolvidos nessa jornada. Disco obrigatório assim como o debut.



Man In The Middle




2 (2011)


  1. The Outsider
  2. Man In The Middle
  3. The Batlle For Handrian's Wall
  4. Save Me
  5. Smokestack Woman
  6. Faithless
  7. An Ordinary Son
  8. I Can See Your Spirit
  9. Little Secret
  10. Crossfire
  11. Cold

Turnê de divulgação e Live Over Europe (2011)






O Black Country Communion divulgou seu segundo disco em uma pequena turnê Européia que passou por Espanha, Holanda, Alemanha e Reino Unido, desses shows  saiu o vídeo Live Over Europe, compilado de três apresentações na Alemanha. Entre as músicas foram colocados entrevistas com os membros da banda.

Além disso a banda fez seu debut em solo norte americano com sete shows, as pequenas turnês geraram tensão e conflito de interesses entre Hughes e Bonamassa, uma vez que priorizar as carreiras solos dos integrantes inviabilizaria a continuidade do projeto.

O set  list de Live Over Europe é uma compilação dos dois trabalhos lançados pelo BCC com a adição de 2 covers, Burn do Deep Purple e The Ballad Of John Henry de Joe Bonamassa.

A banda desfila toda sua competência ao vivo, mostrando o calibre dos músicos, execução impecável amparada por um repertório digno dos grandes nomes da história do Rock. Uma pena que a banda fez poucas apresentações.


Song Of Yesterday


The Batlle For Handrian's Wall



*
1."Revolution of the Machine" (intro)Kevin ShirleyJeff Bova1:45
2."Black Country"  Glenn HughesJoe Bonamassa3:51
3."One Last Soul"  Hughes, Bonamassa4:01
4."Crossfire"  Hughes6:32
5."Save Me"  Hughes, Jason Bonham, Bonamassa, Derek Sherinian, Shirley, Chris Blackwell8:08
6."The Battle for Hadrian's Wall"  Bonamassa, Hughes, Shirley4:51
7."Beggarman"  Hughes5:12
8."Faithless"  Hughes, Bonamassa, Shirley5:20
9."Song of Yesterday"  Bonamassa, Shirley, Hughes9:10
10."I Can See Your Spirit"  Hughes, Bonamassa, Shirley5:06
11."Cold"  Hughes, Bonamassa, Shirley7:56
12."The Ballad of John Henry" (originally performed by Joe Bonamassa)Bonamassa, Mississippi John Hurt10:45
13."The Outsider"  Hughes, Bonamassa, Shirley, Sherinian5:21
14."The Great Divide"  Hughes, Bonamassa4:47
15."Sista Jane" (includes outro to The Who's "Won't Get Fooled Again")Hughes, Bonamassa, Pete Townshend7:53
16."Man in the Middle"  Hughes, Bonamassa, Shirley4:50
17."Burn(originally performed by Deep Purple)Ritchie BlackmoreDavid CoverdaleJon LordIan Paice7:57
18."Smokestack Woman" (credits)Hughes5:10
Total length:
108:35

*Track List extraído do Wikipedia.


Afterglow e o fim do Black Country Communion






Chegamos a 2012, a essa altura a relação entre Hughes e Bonamassa já não era das mais amigáveis e o pivô das tensões foi a agenda conflitante e as prioridades em relação à banda. Bonamassa  deu preferência a sua carreira solo, Hughes queria mais espaço na agenda para o BCC, esse impasse resultou no fim dessa grande banda. 

Entretanto o clima ruim, felizmente, não se transportou para o disco. Afterglow é um trabalho mais direto que o debut e o 2, mas não menos interessante, Big Train abre a todo vapor, uma pancada, que mostra a força desse timaço, Midnight Sun destila seu Hard Rock com uma levada alto astral, a zepelliana Afterglow evidencia toda elegância de Hughes/Bonamassa/Bonham/Sherinian com um grande arranjo. A emocional Circle traz a tona o feeling bluseiro de Bonamassa.

Apesar do clima de despedida e sem nenhum show de divulgação, o terceiro disco de estúdio de inéditas do BCC cumpriu seu papel em entregar um trabalho consistente, à altura da curta mas impressionante trajetória do conjunto.

Esperamos que Aferglow não seja um adeus mas apenas um até logo!



Big Train 




Afterglow (2012)


  1. Big Train
  2. This Is Your Time
  3. Midnight Sun
  4. Confessor
  5. Cry Freedom
  6. Aferglow
  7. Dandelion
  8. The Circle
  9. Common Man
  10. The Giver
  11. Crawl

A Banda

Glenn Hughes (Vocais, Baixo e Violão)
Joe Bonamassa (Guitarra, Vocal e Violão)
Jason Bonham (Bateria)
Derek Sherinian (Teclados)

Após o fim...

Após o fim do BCC, Glen Hughes e Jason Bonham montaram o California Breed com o jovem guitarrista Andrew Watt, e lançou seu debut em 2014, o review do disco pode ser lido aqui.

Bonamassa está dando prosseguimento a sua carreira solo, assim como Sherinian toca seus projetos, estando sempre ocupado. A boa noticia é que recentemente tanto Hughes quanto Bonamassa afirmaram que não nutrem sentimentos ruins entre ambos, e que se respeitam bastante. Quem sabe uma luz de um quarto registro não se ascenderá em breve?

Postar um comentário