30 de jul de 2014

Adrenaline Mob - Men Of Honor




Nota: 8,00

O Adrenaline Mob despontou em 2012 como um super projeto que continha em suas fileiras dois grandes nomes do Prog Metal, Mike Portnoy (ex-Dream Theater) e Russell Allen (Symphony X) mas a proposta deles era fazer algo diferente dos seus respectivos históricos musicais, mais simplicidade aliado ao som pesado e recheado de grooves e boas sacadas nas melodias, com a adição do guitarrista Mike Orlando gravaram o aclamado debut Omertá.

Após o EP de covers Covertá, Portnoy se dedicou ao The Winery Dogs, Russel Allen e Mike Orkando efetivaram o baixista John Moyer (Disturbed) e o veterano AJ Pero na bateria (Twisted Sister) com um time que mescla experiência e ousadia gravram o segundo álbum, Men Of Honor.

A intensidade do debut foi mantida, mas as composições mais diretas casaram bem com a mistura de Heavy Metal e  Hard Rock praticado anteriormente, impossível não destacar Russell Allen, grande técnica de drives e uma voz potente dotada de um timbre único.

Mike Orlando, John Moyer e AJ Pero formam uma sessão instrumental de calibre, riffs com palhetadas alternadas, solos inspirados nas guitarras, a cozinha carrega todo o balanço e ditam o ritmo como manda nos manuais dos grandes discos do gênero.

Impossível não pular da cadeira quando a bateria enfurecida de AJ dá inicio a  Mob Is Back, um cruzado que pega na orelha do ouvinte como um soco do Vitor Belfort. Sem tempo para distração a máfia chefiada por Russell Allen entrega Come On Get Up, logo na segunda faixa a melhor música do disco, refrão grudento e guitarras inspiradas de Mike Orlando.

A grande diversidade das composições cativa o ouvinte, a acessível e empolgante Dearly Departed tira um pouco o pé num hard rock mid tempo e é seguida pela balada bem arranjada Behind These Eyes, mostrando toda a qualidade de Allen.

Embalada pelas linhas de baixo de John Moyer, Let It Go poderia estar em um disco do Disturbed, bateria marcada, vocais ferozes e guitarras distorcidas, Feel The Adrenaline justifica o título, AJ carrega a banda em seus bumbos e viradas explosivas, destaque para o solo alucinante de Mike Orlando, grande guitarrista.

A introdução acústica de Men Of Honor abre espaço para o groove metal vigoroso com vocais raivosos, o refrão é melodioso e fácil, uma combinação perfeita, Crystal Clear é uma balada acústica com um grande arranjo vocal, Allen é um dos vocalistas mais competentes em atividade.

Finalizando esse grande registro House Of Lies vem pesada com a dupla Orlando e Moyer socando peso, Judgment Day tem vocais Russell Allen e Mike Orlando dividindo vocais lembrando o som gordurento e pesado do Black Label Society,  Fallin To Pieces fecha o disco de maneira descontraída, uma power ballad com um grande solo de guitarra.

Portanto quem achava que o Adrenaline Mob dependia de Mike Portnoy para sobrevier tem motivos para comemorar, a banda vive muito bem, soa forte e coesa. 

Confiram!

Come On Get Up



Men Of Honor (2014)


  1. Mob Is Back
  2. Come On Get Up
  3. Dearly Departed
  4. Behind These Eyes
  5. Let It Go
  6. Feel The Adrenaline
  7. Men Of Honor
  8. Crystal Clear
  9. House Of Lies
  10. Judgement Day
  11. Fallin To Pieces

A Banda

Russell Allen (Vocal)
Mike Orlando (Guitarra e Vocais)
John Moyer (Baixo)
AJ Pero (Bateria)

Postar um comentário