25 de fev de 2015

UFC Fight Night 61 - Mir se recupera



No último domingo, Porto Alegre recebeu o UFC Fight Night 61 e colocou frente a frente dois pesos pesados que passavam por fases complicadas, Frank Mir vinha de 4 derrotas seguidas, Pezão perdera 2 e um Non Contest, pressionados ambos precisavam do resultado.


Mir não deu chances ao lento Pezão, e em 2 minutos de luta acertou um direto no queixo do Brasileiro que caiu semi nocauteado, liquidou a fatura com golpes no chão se sagrou vencedor, Mir respira no evento e na carreira, Pezão está com um pé fora do UFC.







Edson Barbosa encarou Michael Johnson e foi derrotado na decisão dos juízes,após uma exibição fraca do brasileiro, que rendeu pouco, sem estratégia definida e usando pouco sua trocação e  agressividade

Entretanto o que mais vem chamando a minha atenção atualmente é a fraca preparação técnica de uma parcela grande de lutadores Brasileiros, lutadores que pretendem se tornar membros da elite do esporte em 2 ou 3 anos precisam evoluir técnicamente, e francamente muitos deles não tem nível para lutar em um evento de grande porte, William "Patolino"Macário, Cézar Mutante, Daniel Sarafian, Thiago Marreta e tantos outros sinceramente estão muito longe de serem competitivos no nível atual da organização.

Os lutadores e suas equipes precisam repensar seus métodos, incentivar o esporte de base, as modalidades como Boxe, Jiu Jitsu, Judô, Muay Thai, Wrestling e etc. antes do treinamento misto, pois o que estamos vendo são lutadores que se dizem versáteis, mas na verdade não possuem qualidade em nenhuma modalidade, ruins em todas, e principalmente, no conceito estratégico do combate.

Desse jeito vamos formar lutadores piores a cada geração, algo precisa mudar para o futuro da modalidade em nosso país.

Resultado dos palpites 2 Acertos ( Santiago Ponzinibbio e Frank Mir) e 4 Erros (Frankie Saenz, Adriano Martins,  Sam Alvey, Michael Johnson)
Placar Geral: 12 Acertos, 8 Erros  - 60% de Acerto
Postar um comentário