7 de ago de 2012

UFC ON FOX 4 - Shogun vence, mas Vera triunfa!

No último sábado o UFC foi a Los Angeles no Staples Center, casa do Los Angeles Lakers, para definir o próximo desafiante do cinturão dos Meio Pesados que está com Jon Jones, e vimos um card principal fantástico, um dos melhores do ano.

Porém Maurício Shogun tinha tudo para garantir sua revanche, mas mesmo vencendo  foi o grande perdedor da noite!

Swick retorna bem!

Swick definindo a luta!
Mike Swick vinha de um período conturbado, lesões e longo tempo de inatividade transformaram a luta entre uma incógnita. Entretanto Swick usou sua velocidade para golpear Johnson logo nos instantes iniciais, a luta parecia caminhar para um monólogo, porém, Johnson soube administrar a dificuldade e virar a luta no primeiro round, golpeando, e levando a luta para o chão, onde conseguiu uma montada, e venceu o round.

Porém, no segundo round Swick encaixou um contra golpe certeiro, após um low kick disparado por Johnson, sem chance de reação, caiu nocauteado! Swick retornou bem e convenceu!

Lauzon e Varner deram show!
Lauzon finalizando no triângulo
A luta entre Joe Lauzon e Jamie Varner passou meio desapercebida quando foi anunciada, porém quando o combate começou pudemos assistir uma batalha que levantou o Staples Center. Três rounds alternado bons momentos entre ambos, com direito a knockdowns, quedas e trabalho de chão.
 Lauzon aproveitou uma queda aplicada por Varner, raspou com os ganchos da guarda, e tentou pegar as costas, que foi defendida, entretanto, Varner abriu espaço para um triângulo e foi finalizado no terceiro round. A luta da noite sem dúvidas!

Machida implacável

Machida sempre preciso
Lyoto Machida enfrentou o americano Ryan Bader, ambos no top 10 da divisão dos Meio Pesados, o brasileiro sempre muito calmo dominou as ações e trabalhou bem o deslocamento no octagon, Bader não conseguia achar Lyoto com sua poderosa direita, o que facilitava os contragolpes sempre precisos do karateca. No primeiro round Machida acertou ótimos golpes na linha de cintura que minaram a confiança e a resistência de Ryan Bader.
Machida mais confiante com a vitória no primeiro round, induziu Bader ao erro, que numa tentativa de encaixar um direto, foi bloqueado e levou um contra ataque fatal, no queixo e foi nocauteado. Machida impressionou a todos! Nocauteou no segundo round.

Shogun nocauteia mas não convence
Shogun, acertando Vera
Mauricio Shogun é um lutador de elite, e como tal está sempre cotado a disputar um cinturão, e a luta contra Bradon Vera era tudo que o brasileiro precisava para conseguir sua chance, mas o que vimos no sábado foi um lutador sem preparo físico e muito descuidado.

Shogun atropelou Vera no primeiro round, o americano conseguiu uma guilhotina muito bem defendida, e só! Passou 5 minutos sendo pressionado em pé e no chão, terminando o primeiro round tomando uma pegada nas costas.

Vera mesmo tomando prejuízo na luta se aproveitou do péssimo condicionamento físico de Shogun e conseguiu conectar bons contra golpes, inclusive uma poderosa cotovelada que abalou o brasileiro, que de forma inteligente buscava derrubar e golpear, a luta quase foi interrompida no segundo round quando Shogun acertou uma forte seqüência, Brandon Vera segurou a onda e voltou para o combate.

A essa altura a luta ganhou contornos dramáticos Shogun cansado, golpeava, Bradon Vera respondia bem e conseguiu ficar por cima no fim do terceiro round. O brasileiro voltou para o quarto round disposto a finalizar o combate, e após uma sequência de golpes finalizou a luta no ground and pound, na interrupção do arbitro Shogun venceu mas desceu alguns degraus, Vera renasceu na categoria e saiu valorizado.

Vale ressaltar que Lyoto Machida desbancou Mauricio Shogun e vai disputar o cinturão dos meio pesados contra o vencedor de Jon Jones x Dan Henderson, segundo Dana White.

Placar dos Palpites: 1 erros (Swick) 3 Acertos (Lauzon, Machida, Shogun)
Placar Geral: 33 Acertos e 13 Erros = 71,74% de Acerto


Postar um comentário