17 de ago de 2012

Repetir para Passar.



Cá estou eu de novo caros amigos, hoje vamos organizar aquele nosso “ballet” caótico do
qual já falamos. Passa por todo aquele sistema do qual conversamos no “primeiro dia de escola” onde nada parece dar certo e tudo é muito difícil começamos a observar a técnica.

La vamos nós! O primeiro degrau a transpor, é prestar atenção a cada movimento a cada detalhe, passo a passo seguindo o manual de sobrevivência que vem sendo ensinado de geração para geração. O que tem que ficar claro para quem é praticante de Artes Marciais é repetir os movimentos com determinação e sempre que possível entrar no “looping” até que esse movimento funcione como nossa respiração no dia a dia.

É assim mesmo repetição do movimento, desculpem o Pleonasmo mas o tema é repetir, repetir a exaustão isso vale para o Judô, o Jiu jitsu, o Boxe e todas as outras modalidades de luta. Muito provavelmente vamos observar a velocidade com qual o nosso corpo reage ao estimulo do nosso cérebro a executar determinado movimento. Assim aumentado de forma geral nossa capacidade cognitiva.

Desta forma vamos lapidando nosso conhecimento, nossa arte da destruição que começa a ficar cada vez mais fina e apurada dentro de nossos combate, vem dai a velha máxima “treino duro, luta fácil.”.

Com toda essa repetição conseguimos passar para o próximo nível subimos para o segundo degrau, somos conhecedores de uma nova técnica que vai ser aprimorada dia após dia.

Postar um comentário