26 de set de 2012

UFC 152 - Jones tem pontos fracos!

O UFC 152 aconteceu dia 22 de Setembro no Canadá, a luta principal entre Jon Jones e Vitor Belfort teve ingredientes que empolgaram os fãs e mostrou que o campeão tem pontos fracos.


Charles Oliveira decepciona
Swanson golpeou com precisão

Charles "Do Bronx" é uma das promessas do UFC, mas ainda não se firmou no evento, a derrota para Cub Swanson derrubou as pretensões do brasileiro que almejava uma entrada na fila pelo cinturão dos pesos penas do UFC. Swanson golpeou bem na linha da cintura, e com um overhand na têmpora ganhou por nocaute.

Hamill vence em seu retorno

Na luta mais fraca do card preliminar, Matt Hamill se esforçou para vencer o canadense Roger Hollet. O veterano Hamill dominou os três rounds e conseguiu por alguns momentos impor seu jogo, com um forte clinch e golpes pesados, mas muitas vezes foi golpeado de forma perigosa. No final do combate Hamill venceu na decisão dos juízes.

Bisping dá uma aula para Stann
Bisping encaixando um chute na costela

O inglês Michael Bisping cumpriu bem seu papel de favorito ao enfrentar Brian Stann, dotado de um poder de nocaute impressionante, usou a estratégia correta e dominou seu adversário. Bisping utilizou seu boxe alinhado e um bom trabalho de deslocamento para anular Stann. Mesmo em momentos de troca mais franca, o americano não conseguiu soltar seu jogo, apesar de balançar Bisping com um cruzado certeiro no primeiro round, foi anulado, e aos poucos o inglês acertava mais golpes e levava Stann para baixo, que caia de guarda passada. Mesmo esboçando uma reação no terceiro round, Stann teria que nocautear ou finalizar e acabou derrotado na decisão unânime dos juizes.

Demetrious Johnson  é o primeiro campeão peso mosca do UFC

Johnson e Benavidez batalharam por 5 Rounds
Joseph Benavidez e Demetrious Johnson disputaram o inédito cinturão dos pesos moscas do UFC, e em uma luta de cinco rounds Johnson soube dominar o combate, e quando foi pressionado mostrou calma e foco para sair dos apuros, como uma montada no terceiro round, quando Benavidez encaixou uma guilhotina por cima. O combate seguia equilibrado, mas com clara superioridade nos rounds 1, 4 e 5, Johnson levou o cinturão, e foi coroado como o primeiro campeão peso mosca do UFC.

Jones venceu bem, mas sofreu!
Vitor quase finalizou Jones
Jones aplicando a americana


Jon Jones era amplo favorito, enfrentou Vitor Belfort que teve três semanas para readaptar seu treino em uma nova categoria e montar uma estratégia para um dos lutadores mais temidos do UFC. O que ninguém esperava é que com um arm lock da guarda Belfort iria estalar o braço do campeão logo no primeiro round e fazer do passeio de Jones uma batalha de quatro rounds.
Claramente superior, Jones venceu todos os rounds, usando cotoveladas, pisões e seu wrestling, mas em alguns momentos Vitor conseguia encaixar golpes, e no terceiro round chegou a fazer Jones se fechar na defesa após bons uppers. Talvez o pouco tempo de treino tenha comprometido a atuação de Vitor, que muitas vezes puxou a luta para a guarda, quando deveria ter ficado em pé. No quarto round após Belfort encaixar bons golpes, foi derrubado e com uma americana Jon Jones finalizou e defendeu seu cinturão.
Como resultado da batalha, Jones saiu com o braço imobilizado e Vitor foi o lutador que mais vezes acertou Jones de forma efetiva. Entretanto mesmo com a vitória Jones demonstrou fraquezas, e eterá que trabalhar cada vez mais para sustentar seu cinturão.


Placar dos Palpites: 3 erros (Swanson, Johnson e Jon Jones) 2 Acertos (Hamill e Bisping)
Placar Geral: 39 Acertos e 17 Erros = 69,64% de Acertos
Postar um comentário