4 de nov de 2007

Queensryche & Renascimento

Olá, Its Eletric na área!

Meu blog que retirei dos dominios da Microsoft, para uma plataforma mais ágil e mais fácil de atualizar.

O Queensryche é uma das bandas que eu mais admiro, e na minha humilde opinião, trata-se de uma das melhores bandas da história do Hard Rock/Heavy Metal.

Tá certo que andavam meio em baixa após o sucesso de Promissed Land de 1994, quando na ocasião entraram numa fase complicada culminando em Hear in The Now Frontier de 1997, uma trabalho diferente, mais simples e com um pé na cena de Seatlle dos anos 90.

A receptividade não foi boa, culminando na Saída de uma peça chave na banda, Chirs DeGarmo, guitarrista, compositor e co fundador do Queensryche. Posteriormente Kelly Grey substituiria Degarmo em 1998, lançando o eclético e energético Q2K em 1999, e o ótimo Live Evolution, ao vivo com os maiores sucesso da banda, Kelly Grey sairia em 2002. por diferenças musicais.

Nesse periódo o Queensryche retornara a mída e já iniciava uma recuperação, que se concretizaria em 2003, com lançamento de Tribe, este tem como convidado especial Chirs DeGarmo, que contribuiu nas composições, um álbum consistente e maduro, o melhor desde Promissed Land, Mike Stone, assume como guitarrista, contribuindo com 1 música e participando da tour, até ser efetivado.

Stone revitalizou o Queensryche, com ele a banda entrou em outro ritmo, mais ativa excursionando no mundo inteiro, com perfomances cada vez melhores, da trupe de Geoff Tate.

Na sequênciancia seguem ao vivo introspectivo Art of Live, a aguardada continuação, de Operation Mindcrime, com ótimos resultados, a banda voltando ao Hard Heavy que a consagrou, mesmo não se igualando à genialidade do Original, nesse álbum Stone participa da composição de todas as músicas, então vem o ao vivo Mindcrime At The Moore, com as duas partes do Mindcrime tocadas na Integra, e por fim o novo e surpreendente álbum de Covers chamado Take Cover.

E para 2008 um novo álbum já está em produção.


Alguma dúvida que a banda Renasceu? parte disso deve-se a Mike Stone, excelente guitarrista e bom compositor, é o Queensryche novamente a todo vapor. O Periodo atual pode não ser o melhor da carreira da banda, pois os os dez primeiros anos de 1983 a 1993 foram realmente especiais, mas não resta dúvidas que de 1998 a 2007 a banda renasceu, e vem retomando seu lugar, que havia perdido após 1997.


Formação

Geoff Tate (Vocais 1983-até hoje)
Michael Wilton (Guitarras 1983- Até hoje)
Mike Stone (Guitarras 2003 -Até Hoje)
Eddie Jackson (Baixo 1983 - Até Hoje)
Scott Rockenfield (Bateria 1983- ATé Hoje)

Ex- Membros
Chirs DeGarmo ( Guitarras 1983-1997)
Kelly Grey (Guitarras 1998- 2001)


Queensryche de 1998 a 2007

Capas de Q2K, Live Evolution, Tribe, Art Of Live, Operation Mindcrime II, Mindcrime At The Moore e Take Cover










Postar um comentário