8 de ago de 2010

UFC 117 - Do que são feito os campeões?




O UFC 117 teve uma repercussão enorme no Brasil, como praticante de Jiu Jitsu e Boxe há alguns anos, sempre fui ligado ao MMA, como fã incondicional desta modalidade emocionante, que pode parar um país inteiro em um sábado a noite.

Eu que acompanho MMA desde os primordios da segunda era do Vale Tudo, no inicio do UFC com o dominio do Jiu Jitsu, a consagração do Pride, e agora na fase meanstream do UFC, jamais iria imaginar que a luta de Chael Sonnen x Anderson Silva ia gerar tanto assunto.

Amigos e parentes que nunca praticaram artes marciais, comentavam, empolgados sobre como essa " pancadaria" é emocionante. Valorizaram a vitória do Anderson Silva, suada, sofrida e ameaçada pelo Ground N ' Pound feroz de Chael Sonnen. Elogiando a garra e determinação do Brasileiro, ouvi muito a frase " Nossa, por isso o Anderson é o campeão!!" Ou seja pessoas que sequer sabiam da existência deste se sentiram orgulhosos dele levar o nosso país no topo da modalidade que nós criamos.

A maior das coincidências é o fato de Anderson, finalizar Sonnen com um triângulo (o Sonnen adora ser finalizado, justiça seja feita com Paulão Filho, Demian Maia, Renato Babalu e Jeremy Horn) coincidência ou não, o mesmo triângulo que consagrou Royce Gracie ao finalizar Dan Severn, 30 kgs mais pesado, no UFC 4 nos idos de 1993/94, consagrando o Jiu Jitsu e o Brasil.

Anderson Silva mostrou do que é feito um campeão, passou 25 minutos de sufoco, com a costela machucada do treinamento, mas venceu, finalizou e manteve seu cinturão, seu recorde no UFC é um impressionante 12-0 desde 2006.


Parabéns ao Sportv e a iniciativa de transmitir esse evento para todos os assinantes, não apenas aos que assinam o pay per view do Canal Combate. Imaginem o dia que o UFC passar alguns eventos em canal aberto por aqui? Terá uma audiência monstruosa!!
Postar um comentário